sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Oscar Niemeyer (1907-2012): um modernismo poético


Outro grande nome da cultura que desaparece. Merece todos os elogios e tributos, uma boa parte pode ler-se no dossiê do Público. Gostei especialmente da expressão poeta da linha curva, casa bem com a sua transpiração duma certa brasilidade.