terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Olha, os juros da dívida estão a subir

Os juros da dívida pública portuguesa a dez anos estão a subir pelo segundo dia consecutivo (ver aqui). Se houvesse segunda volta das eleições presidenciais já sabíamos a explicação do professor Cavaco Silva, anunciada durante a campanha eleitoral: as segundas voltas sobem os juros da dívida. Como não há segunda volta, é legítimo perguntar: será uma reacção dos mercados à eleição presidencial?

PS: a minha pergunta era irónica, mas a realidade pode não o ser - os mercados são pouco dados a figuras de estilo. Ver aqui a notícia do El País sobre a vitória de Cavaco Silva. Uma citação: «El político equilibrado, comedido e institucional desapareció de un plumazo para dar paso a un orador resentido que descalificó a todos sus adversarios, sin excepción, en un tono tremendamente agresivo.»




3 comments:

Rogério Pereira disse...

Pode ser.
Até pode ser pelo seu discurso de vencedor
Até pode ser porque quem manobra pôe essas coisas antes das crises políticas
Até pode ser
porque o Euro não merece sobreviver
Até pode ser porque está frio e alguém tem que aquecer
Até pode ser...

jrd disse...

Não é rasca quem anda descalço, mas quem calça o chinelo para discursar.

Daniel Melo disse...

Desta vez não se engasgou, e saiu discurso sem fair-play.
Não habia nexexidade...