sexta-feira, 24 de abril de 2009

Iconografias revolucionárias

Esta tarde foi apresentada a obra A guerra dos cartazes, de José Gualberto Freitas, livro que recolhe c. 300 imagens de cartazes e autocolantes da revolução de 1974/75 e período subsequente. O livro sairá amanhã com o jornal Público. Vários deles foram já apresentados na blogosfera, designadamente aqui, em TóColante, Fuga para a vitória, etc..
A propósito, ainda há quem não tenha perdido o gosto por pintalgar paredes...
Nb: na imagem, fotografia de José Marques, de pichagem revolucionária.