terça-feira, 2 de setembro de 2008

Gravidez poderá ajudar republicanos

Ao contrário de que se anda a falar aos sete ventos, a gravidez da filha até poderá ajudar a campanha de Sarah Palin. Parece paradoxal, mas não é. Apesar de McCain e Palin pregarem a abstinência sexual antes do casamento, ambos são antes de qualquer coisa ferrenhamente contra o aborto. Britol vai ter o bebê em vez de abortá-lo, vai se casar com o pai da criança e formará um núcleo familiar bem aos moldes tradicionais da sociedade republicana norte-americana, passando a imagem de defensores da boa moral e dos bons costumes. E assim se apresentarão ao eleitorado mais conservador como defensores intransigentes da vida, mesmo porque Palin é contra o aborto até em casos de estupro. Tanto que os principais lideres evangélicos já saíram em defesa da vice-presidente e de sua filha.

4 comments:

Zèd disse...

Não sei não Manolo. Esses argumentos servem para convencer os que já estão convencidos. Os conservadores que acham muito bem que a filha de Pallin se case e tenha o filho de qualquer modo nunca votariam democrata. E mesmo assim não convence todos, porque há os conservadores que acham que ela devia casar virgem. Infelizmente nada disto tem que ver com política. Fez bem o Obama em dizer que se alguém da sua equipe se metesse nesta estória seria despedido.

Manolo Piriz disse...

Sim, Zèd.

Mas creio que a luta agora de ambos os candidatos é buscar os votos dos que não têm fidelidade partidária, dos independentes e convencer os insatisfeitos com os resultados das respectivas convenções não se absterem do processo eleitoral e votarem em seus partidos, pois, a exemplo do que ocorreu nas eleições anteriores, o vencedor será por uma pequena margem. Já sobre a posição de Obama, concordo contigo. O homem fez muito bem ao deixar esse assunto de lado.

Abraham disse...

Pois! Mas a Senhora andou a pregar que gravidez fora do casamento jamais acontecia em boas familias cristãs. Então?...

Manolo Piriz disse...

Abraham, as famílias muito religiosas também são contra os contraceptivos....