terça-feira, 6 de outubro de 2009

Umberto Eco sobre José Saramago

O El País publica hoje o prólogo de Umberto Eco à edição italiana de O Caderno, de José Saramago, livro que reúne textos publicados no blogue do prémio Nobel português. No prólogo, Eco interroga-se acerca das relações entre o comentário de actualidade nos blogues e jornais e o trabalho de quem escreve romances, sem deixar de se auto-interrogar, pois também ele pratica os dois tipos de escrita. E esboça nas entrelinhas um diálogo entre Saramago e Ratzinger acerca de Deus e da sua presença ou ausência na violência humana. A ler aqui.