quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

Tudo na mesma?

Entre vítimas de tornados no Tennesee, a Super Tuesday decorre, mais ou menos, como previsto.
Apesar de um discurso arrebatador, a esperança em Obama dissipa-se. No entanto, a luta hoje foi muito renhida, e, se perder no final das primárias, Obama venderá cara a sua derrota. Aparentemente as mulheres e a comunidade latina preferem Hillary Clinton, assim como o Estado de Massachusets, apesar do endorsement a Obama por parte do clã Kennedy. Deste modo, Clinton ganha, como previsto, NY, NJ e a Califórnia, e McCain will take all, apesar de uma das grandes surpresas da noite ter sido a percentagem atingida por Huckabee e a quase humilhação de Romney.
Na corrida final para presidente dos E.U.A., a minha previsão ( e apostaria $$$$’s) será entre Clinton e McCain, com uma vitória final para McCain. O Próximo presidente americano será, infelizmente, de novo republicano. A boa notícia é que não será nem Romney nem Huckabee.

4 comments:

Zèd disse...

Onde é que foste buscar essa que o McCain é o próximo presidente? Já há algumas sondagens?

Manolo Piriz disse...

vallera,
(5:42) - parece-me que as eleições norte-americanas tiram o sono do todos os demais mortais. Obama não está morto não. perderá a super-terça, sim, mas por muito pouco. e a luta continua

José Luiz Sarmento disse...

McCain é um homem decente, o que é uma raridade entre os Republicanos. Não sei se isto lhe aumenta ou diminui a probabilidade ce ganhar contra Clinton ou Obama. Por um lado, os americanos estão fartos de ser governados por patifes e plutocratas, o que joga a favor dele; mas joga contra ele a probabilidade de a extrema-direita religiosa preferir abster-se a votar num candidato que não é fundamentalista.

Curioso é notarmos também no autor deste post uma evolução que também se vai verificando na opinião pública americana: a ideia de «elegibilidade» a transferir-se de Hillary Clinton para Barak Obama.

vallera disse...

não, não há Zèd. É apenas o que se sente e o que parece quase óbvio aqui em DC e Georgetown.

Manolo, estou em DC. A hora que apareceu era a hora portuguesa. Aqui era meia noite e tal..

José Luís: Penso que McCain será melhor presidente que G.W.B., Romney ou Huckabee disso não tenho dúvidas.
Acho que ele agora tentará apanhar os votos dos mais conservadores, uma vez que alguns preferem a Clinton..
Creio que isto diz tudo quanto à sua ideia de "elegebilidade" a transrerir-se de Clinton para Obama..